EFEITO DOMINÓ DA FALTA DE PEÇAS CHEGOU NOS CARROS USADOS – A ESPERA PODE LEVAR QUATRO MESES.

SINDIAUTO / ALVESP – Chegou a vez da falta de peças dos carros usados, como se não bastasse a falta de componentes e o encarecimento dos insumos com o carro zero km nos últimos tempos, o problema se alastrou para os carros usados em 2022, pode ser um painel, um para-choques, um interruptor, qualquer peça, é torcer para não quebrar.

Com o setor de carros usados em alta, o fato é que eles demandam peças, peças demandam importações, importações demandam transportes e os transportes demandam as cargas. O transporte das cargas está sofrendo problemas logísticos mundiais, desde o início da pandemia e as previsões ainda se mantém na esteira de que os preços continuarão em alta por algum tempo.

Dados do Sindipeças – Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores, mostram que em 2020 as vendas dos fabricantes de componentes para o segmento da reposição somaram R$ 24,6 bilhões, o que representou 19,5% do faturamento total do setor. Os dados de 2021 podem chegar a R$ 32,3 bilhões.

Enquanto o mercado de compra e venda se molda, os fornecedores buscam retomar a normalidade para abastecer tanto as montadoras como o mercado de reposição, porém todos os setores estão atrasados, na verdade, não se sabia o que iria acontecer devido a pandemia, o jeito foi segurar o caixa, evitar grandes estoques e todo mundo fez isso. O resultado está aí! Até quatro meses para reposição de peças.

As sugestões são muito simples, consumidores devem procurar adquirir veículos de lojas.

“O momento exige muito cuidado, pois será necessária mais atenção do comprador e do revendedor na hora e adquirir um carro usado, certificando-se que não precisará trocar nenhuma peça.” disse Dr. Daniel Poço, advogado do SINDIAUTO e ALVESP.

O Sr. Marcelo Cruz, Presidente do SINDIAUTO e ALVESP, que congrega os revendedores de veículos usados, também incentiva a que os consumidores procurem adquirir carros de revendedores, pois os revendedores fazem revisões e concedem garantias sobre os veículos.

“O Estado de São Paulo possui mais de quinze mil revendedoras de carros usados, só em São Paulo são mais de cinco mil. Toda a cidade tem corredores comerciais de carros usados, sem falar dos municípios vizinhos que fomentam também uma grande representatividade e importância para o setor.” ressaltou o Presidente.

SINDIAUTO / ALVESP

Notícias mais recentes

CÂMARA APROVA LIMITE DE ALÍQUOTA DE ICMS SOBRE COMBUSTÍVEIS E OUTROS SERVIÇOS.
26/05/2022
CAE APROVA NOVA ISENÇÃO DE IPI PARA PESSOA COM DEFICIÊNCIA COMPRAR CARRO.
24/05/2022
ROAD SHOW SINDIAUTO/ALVESP SERÁ NO DIA 02 DE JUNHO NO ESPAÇO IMMENSITÀ A PARTIR DAS 19H.
24/05/2022
A TABELA KBB BRASIL (MOLICAR) TEM O MAIOR REGISTRO DE PREÇOS DE VEÍCULOS USADOS DO PAÍS.
24/05/2022

Assine nossa newsletter

Assine nossa Newsletter e
FIQUE ATUALIZADO sobre o
Setor de Lojistas de veículos.

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.